220 500 807 KUIDADOS CONSIGO, 24 HORAS POR DIA, 365 DIAS POR ANO.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Acidente Vascular, o AVC é uma das principais causas de morte e incapacidade em Portugal. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) indicam que o AVC é responsável pela morte de 5 milhões de pessoas todos os anos, ao nível mundial. Saiba mais sobre o acidente vascular cerebral e como prevenir o seu aparecimento.

O que é um AVC?

O AVC, mais frequente nos homens e em idades avançadas, é a quebra repentina do fluxo sanguíneo no cérebro. Pode ser causado pelo bloqueio de um vaso sanguíneo do cérebro (AVC isquémico) ou pela rutura deste (AVC hemorrágico).

Este bloqueio ou rutura impede que determinada zona cerebral receba oxigénio, o que causa morte celular e consequentemente lesões (alterações cognitivas, comportamentais, motoras ou ao nível da fala, entre outras).

Fatores de risco para desenvolver um AVC

Alguns fatores aumentam a probabilidade da ocorrência de um AVC, tanto hemorrágico como isquémico:

  • Hipertensão arterial;
  • Diabetes tipo 2;
  • Colesterol alto;
  • Obesidade;
  • Tabagismo;
  • Consumo excessivo de álcool;
  • Alimentação rica em sal;
  • Idade avançada;
  • Sedentarismo;
  • Uso de drogas ilícitas;
  • Histórico familiar.

Quais os Sintomas de um AVC?

A falta de oxigénio em determinada zona do cérebro pode exteriorizar-se de diferentes formas no corpo:

  • Boca assimétrica (dormente ou descaída);
  • perda súbita de força e formigamento no rosto, braço ou perna de um lado do corpo;
  • dificuldade em falar e em compreender o que as outras pessoas estão a dizer;
  • alteração na visão;
  • alteração do equilíbrio, coordenação, tontura ou alteração no andar;
  • confusão mental;
  • dor de cabeça súbita, forte e sem causa aparente.

Ao presenciar qualquer um destes sintomas, deve contactar o 112 e/ou dirigir-se às urgências. O espaço de tempo entre a ocorrência do AVC e o tratamento é fundamental para a recuperação.

Como prevenir um AVC?

É possível diminuir o risco de ter um acidente vascular cerebral, nomeadamente se monitorizar os fatores de risco já mencionados:

Controle o colesterol
Reduza a quantidade de alimentos ricos em gordura, especialmente LDL.

Reduza o peso
Mantenha o peso saudável para a sua idade, altura e biótipo e evite o acúmulo de excesso de gordura no corpo.

Estabilize a pressão arterial
Pratique exercício físico para manter o organismo em forma.

Não fume nem consuma drogas
O hábito de fumar e o consumo de drogas aumenta a probabilidade ter de um AVC.

Conte com a CARE KUIDADOS para apoiar em caso de AVC. Para além de apoio domiciliário, também presta cuidados médicos e de enfermagem, bem como de reabilitação física. Entre em contato com a CARE KUIDADOS e receba um apoio personalizado e profissional.